Cotações
Ver todas

Notícias

Mostrando notícias publicadas com o assunto "Jorge Hereda"

24 de maio de 2016, 20:40

Bahia Farm Show é aberta em Luís Eduardo Magalhães e governador garante obra da FIOL

13244775_10201516518991560_5105295625286570680_n

Foi aberta, na manhã desta terça-feira (24), em Luís Eduardo Magalhães, a XIIª edição da Bahia Farm Show, maior vitrine do agronegócio do Norte e Nordeste e atualmente entre as três maiores feiras do país em volume de negócios. Em 2016 são 200 expositores representando 600 marcas. O evento segue até sábado (28).

Conforme a AIBA (Associação dos Agricultores Irrigantes da Bahia), organizadora da Bahia Farm Show, em 2015 o volume de negócios ultrapassou R$ 1 bilhão. Além das novidades expostas nos stands, eventos, palestras, mesas redondas direcionadas à agricultura empresarial e familiar ocorrem no parque.

“É incrível como, mesmo neste período de crise econômica, a Bahia Farm Show consegue, a cada ano, ser mais atrativa e atualizada com as necessidades dos produtores”, elogiou o deputado estadual Eduardo Salles.

Para Júlio Busato, presidente da AIBA, a Bahia Farm Show ultrapassou os limites do Estado e hoje é fundamental ao MATOPIBA (acrônico que designa a região que compreende os estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) e ao Brasil. “Aqui juntamos as representações políticas, as instituições financeiras, os expositores e os agricultores, grandes protagonistas da agropecuária”, disse.

O governador Rui Costa garantiu que a FIOL (Ferrovia de Integração Oeste-Leste) será concluída. “Se não for com recursos do Orçamento Geral da União, faremos em parceria com os chineses. Minha expectativa é assinar o contrato com os chineses até o final de 2016”, revelou o chefe do executivo baiano.

Rui Costa contou que a base do GRAER (grupamento Aéreo da PM) está em construção em Barreiras e o governo já soltou a licitação para a compra do helicóptero, no valor de R$ 30 milhões. Lençóis também vai ganhar o equipamento.

O chefe do executivo baiano disse ainda que o empréstimo do Banco Mundial, no valor de 200 milhões de dólares, deve ser liberado em 2016. “O valor vai ser usado exclusivamente para recuperação das estradas, entre elas o Anel da Soja”, garantiu.

João Carlos Rodrigues, presidente da ABRAPA(Associação Brasileira dos Produtores de Algodão), foi homenageado nesta edição por sua contribuição na melhoria da qualidade do algodão baiano e a abertura de novos mercados aos produtores.

Ao chegar ao parque, o governador entregou 11 viaturas que servirão aos municípios de Luís Eduardo Magalhães, Barreiras, Ibotirama, Formosa do Rio Preto, Angical e Catolândia.

Estavam presentes ao evento o vice-governador João Leão, o secretário estadual de Agricultura, Vítor Bonfim, o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Jorge Hereda, o prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Humberto Santa Cruz, o prefeito de Barreiras, Antônio Henrique, os deputados estaduais Luiz Augusto, Alex Lima e Antônio Henrique Júnior, o superintendente da SUDIC, Jairo Vaz, o presidente do DESENBAHIA, Otto Filho, e outras lideranças políticas e dos agricultores.

21 de março de 2016, 19:20

Acordo garante manutenção de 1.000 empregos em Itagibá e região

IMG-20160321-WA0028Depois de meses de expectativa e preocupação, cerca de 1.000 trabalhadores que têm seus postos de trabalhos ligados de forma direta e indireta à Mineradora Mirabela, instalada no município de Itagibá, podem dormir com tranquilidade. “É um dia histórico para a região. A perda desses empregos seria uma catástrofe”, disse o deputado estadual Eduardo Salles.

Em reunião no final da tarde desta segunda-feira (21), na SDE (Secretaria de Desenvolvimento Econômico), um acordo foi selado entre representantes da Mirabela, sindicalistas, parlamentares e o secretário Jorge Hereda.

Os deputados estaduais Fabíola Mansur, Fabrício Falcão e Euclides Fernandes, além de representante dos deputados federais Bebeto Galvão e Daividson Magalhães, que não puderam comparecer por compromisso assumidos em Brasília, também participaram da reunião.

A empresa concordou com a proposta do governo do estado sobre a devolução dos créditos tributários. “O governador é um dos grandes responsáveis por esse acordo sair. Além da Mirabela. Todos cederam e conseguimos, dentro da responsabilidade, garantir a manutenção das atividades”, explicou o secretário.

Eduardo Salles acompanhou desde o início as negociações para evitar o fechamento da empresa. “A crise no preço das commodities fez despencar o valor do níquel, e fez com que o custo de produção ficasse maior. A Mirabela não podia mais trabalhar com essa diferença”, acrescentou o deputado.

No último dia 17, em audiência com o presidente da CODEBA (Companhia de Docas da Bahia), José Rebouças, Eduardo Salles mediou acordo para a Mirabela realizar o embarque de níquel agora em março e voltar a ter benefício para utilizar o porto de Ilhéus.

Na sexta-feira (18), em conversa com Maryse Belanger, presidente da Mirabela, Eduardo Salles a convenceu a prorrogar até quarta-feira (23) o aviso prévio dos funcionários, que venceria no domingo (20). “Desta forma ganhamos tempo para firmar o acordo, selado nesta segunda-feira”, justificou.

A única modificação que a empresa pretende fazer é terceirizar os funcionários da área de transporte, mas Milson Muden, diretor financeiro da Mirabela, garante que vai aproveitar os trabalhadores hoje nos cargos e aumentar o número de postos de trabalho.

“Estamos convicto de que é uma boa proposta”, frisou Irailson Warveaux, conhecido como “Gazo”, diretor do SINTEPAVE (Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada e Montagem da Bahia).

Aurelino Santos, da FETIN (Federação dos Trabalhadores Metalúrgicos e Mineradores da Bahia) parabenizou os deputados. “Quero agradecer em espacial a Eduardo Salles, que ajudou desde o início e nunca deixou de nos apoiar para evitarmos que esses postos de trabalho fossem perdidos”, agradeceu o sindicalista.

“Não só os trabalhadores da Mirabela, de forma direta ou indireta, vão dormir tranquilos hoje. Toda uma região vai respirar aliviada. Apenas o comércio de Ipiaú, caso a mineradora fechasse, perderia R$ 1 milhão em circulação. Isso significaria um caos com desemprego em massa”, declarou Eduardo Salles.

“Tivemos muito cuidado de nunca partidarizar essa luta, desde a audiência pública ocorrida em Ipiaú, por iniciativa da vereadora Margarete do Abrigo e que eu pude apoiar. Não existe pai da criança. Todos nós juntos somos vencedores”, celebrou o parlamentar.

Para concluir, Milson e o representante de 98,5% dos acionistas da Mirabela, Doug Flannery, que veio de Nova Iorque para a reunião, explicaram que a empresa pretende em 2017 explorar o níquel laterítico, gerando mais 200 postos de trabalho.

Estiveram presentes também à reunião Paulo Sérgio Ferraro, Luiz Gonzaga e Eduardo Sampaio, superintendente e assessores da SDE.