Cotações
Ver todas

Notícias

Mostrando notícias publicadas com o assunto "Economia"

22 de fevereiro de 2016, 18:17

Eduardo Salles busca alternativas para reverter decisão de mineradora de encerrar atividades no estado

mirabela mineradora

O deputado estadual Eduardo Salles se reuniu nesta segunda-feira (22), na SDE (Secretaria Estadual de Dsenvolvimento Econômico), com a presidente e o diretor financeiro da empresa Mirabela Mineração, Maryse Belanger e Milson Mundim, respectivamente.

Recentemente, a Mirabela, que tem sede no município de Itagibá, anunciou o encerramento das atividades da empresa e a demissão de 500 funcionários diretos, que ainda trabalham em aviso prévio. “Nosso objetivo nessa reunião foi discutir soluções para tentar reverter esse quadro, que prejudica ainda outros 400 funcionários indiretos”, explica o deputado.

A Mirabela Mineração produz níquel, cujo atual preço de mercado é menor do que o custo de produção. A libra de niquel custava US$8,76 há um ano e meio, quando a empresa se instalou na Bahia. Naquela época, o custo de produção era de US$ 9,02 por libra. “Com muito esforço, utilização de tecnologia de ponta e mudança nos procedimentos, a empresa conseguiu baixar o custo de produção para US$ 4,10 por libra. Mas hoje o preço do níquel reduziu para US$ 3,93, o que tornou a produção inviável”, diz Eduardo Salles, que pretende achar, junto com dirigentes e autoridades, uma solução para que os governos estadual e federal auxiliem a empresa a baixar ainda mais o custo de produção.

“Sou um dos deputados mais votados da região e estou disposto a fazer o que estiver ao meu alcance para que a empresa continue suas atividades na Bahia, inclusive propondo leis que posam garantir sua permanência”. Em dezembro do ano passado, o deputado já havia estado em audiência com a presidente do grupo, o vice-governador João Leão e o vice-prefeito de Ilhéus, Cacá Colchões, na tentativa de ajustar a situação da empresa em relação ao custo portuário cobrado pela CODEBA (Companhia das Docas do Estado da Bahia), buscando garantir receitas e empregos para o município. “Essa situação também prejudica Ilhéus, pois é através do Porto do malhado que o níquel é exportado”, explica o parlamentar.

Após a reunião com os representantes da Mirabela Mineração, Eduardo Salles esteve no plenário da Assembleia Legislativa para defender a permanência da empresa na Bahia. “Pedi aos meus colegas a realização de audiência pública para que possíveis soluções possam ser discutidas com diversas instâncias da sociedade. Também já tratei do assunto com a vereadora Margarete do Abrigo, de Ipiaú, com o vice-prefeito de Itagibá, Hélio Quadros, e com prefeito e vereador de Ibirataia, Marcos Aurélio e Caio Pina. Esses e outros municípios também serão muito afetados com o fechamento da Mirabela. Todos eles se comprometeram a mobilizar a população para ajudar na questão”, conta o deputado.