Cotações
Ver todas

17 de novembro de 2016

Obra vai diminuir engarrafamentos para quem trafega em Salvador, Região Metropolitana e Litoral Norte

31053257095_478d241603_oA Via Metropolitana vai ligar a rodovia CIA-Aeroporto (BA-526) à Estrada do Coco (BA-099), diminuindo de 50 para 10 minutos o deslocamento entre as duas vias que recebem diariamente 110 mil veículos. A obra vai ter 11,2 quilômetros de extensão e já está com 56% dos serviços concluídos.

Nesta quinta-feira (17), o deputado estadual Eduardo Salles acompanhou o governador Rui Costa e o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, em visita ao canteiro da obra que vai permitir ao motorista vir da CIA-Aeroporto à Estrada do Coco, ou o sentido inverso, sem precisar passar por Lauro de Freitas, município da Região Metropolitana de Salvador.

“Investir em mobilidade é melhorar a qualidade de vida da população, principalmente aquelas que residem em grandes centros urbanos. Essa obra vai melhorar a vida de quem reside em Salvador, Lauro de Freitas, outros municípios da Região Metropolitana, também dos amigos de Rio Real e todos os municípios do Litoral Norte que utilizam a Estrada do Coco”, disse Eduardo Salles.

O governo estadual investiu R$ 220 milhões na obra e a expectativa de entrega é para o primeiro semestre do próximo ano. “Sem dúvida alguma, quem passa horas no engarrafamento para ir ao Litoral Norte, Rio Real e outros estados do Nordeste, vai perceber como vai ser melhor o trânsito sem a necessidade de passar por Lauro de Freitas, que também vai se beneficiar”, acrescenta o parlamentar.

No sentido para o Litoral Norte, não será cobrado pedágio na nova via. A tarifa será obrigatória apenas para quem estiver retornando e não tiver passado pela praça de pedágio já existente na Estrada do Coco. As pessoas que preferem desviar dos pedágios, poderão utilizar a via que dá acesso por dentro de Lauro de Freitas, evitando, portanto, trafegar pela nova rodovia.

Aos que já tiverem pago a tarifa no primeiro pedágio, terão acesso livre para retornar pela Via Metropolitana. “As pessoas terão a liberdade de escolher por onde querem trafegar. Elas podem continuar passando por Lauro de Freitas, mantendo o roteiro feito atualmente, ou optar por uma via mais rápida, chamada Contorno do São Cristóvão, que, futuramente, terá acesso à Avenida 29 de Março, ligando também à BR-324”, explicou o governador. 

Comentários