Cotações
Ver todas

16 de maio de 2016

Projeto Universidade Para Todos inicia inscrições nesta terça-feira

Universidade para todos

Começam terça (17) e vão até o dia 24 de maio as inscrições para o curso Universidade Para Todos. A Secretaria estadual de Educação oferece 12.825 vagas para aulas preparatórias para o vestibular e o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nas disciplinas Português, Redação, Matemática, Física, Química, Biologia, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), História e Geografia. As aulas são realizadas na capital e mais 177 localidades do estado. As inscrições são feitas pelo site escolas.educacao.ba.gov.br/universidadeparatodos.

Para participar, os estudantes devem estar regularmente matriculados, em 2016, no 3º ano do ensino médio regular seriado ou no 4º ano da Educação Profissional integrado ao Ensino Médio da rede pública estadual ou municipal do estado. Também estão aptos a se inscrever os alunos que tenham cursado o ensino fundamental II (5ª à 8ª séries/atual 6º ao 9º anos) ou modalidades correspondentes e 1ª e 2ª séries do ensino médio regular em escolas públicas municipais ou estaduais.

Egressos da rede pública de ensino estadual ou municipal do estado, que tenham os ensinos fundamental II e o médio, regular seriado ou modalidades correspondentes, cursados em escolas públicas municipais ou estaduais também podem se inscrever. Entre os dias 6 a 10 de junho será realizada a matrícula dos selecionados no Universidade Para Todos e as aulas começam no dia 6 do mesmo mês. Mais informações estão disponíveis no Portal da Educação.

Universidade para Todos

O projeto é desenvolvido em parceria com as universidade estaduais do Estado da Bahia (Uneb), de Feira de Santana (Uefs), do Sudoeste (Uesb) e de Santa Cruz (Uesc) e oferece aulas regulares de segunda a sexta-feira, além de atividades complementares como seminários, oficinas, revisão para o Enem, aulões, simulados e orientação vocacional. O curso disponibiliza ainda material didático, fardamento e isenção da taxa de inscrição em processo seletivo das universidades estaduais aos alunos que apresentarem frequência igual ou superior a 75% das aulas ministradas.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Comentários