Cotações
Ver todas

10 de março de 2016

Ovos de chocolate encarecem em até 10% nesta Páscoa

Pascoa-ovos-de-chocolate

A alta dos preços do cacau, principal ingrediente do chocolate, vai deixara Páscoa do brasileiro menos doce. Com menor oferta internacional do cacau, os valores da commodity dispararam, encarecendo os ovos de chocolate no mercado nacional em até 10%.

Nos últimos quatro anos, o preço do cacau subiu ao menos 50%, por causa da queda do volume disponibilizado pela África Ocidental, responsável por 70% da produção mundial. Nesse cenário, o cacau teve valorização de 14% no ano passado na Bolsa de Londres.

De acordo com o analista de merdaco da FCStone Fábio Rezende, o fenômeno climático El Niño prejudicou a safra africana, provocando um déficit mundial que pode beirar 100 mil toneladas neste ano. Os preços internacionais e o dólar acabam afetando os preços também no Brasil.

Apesar de as últimas safras de cacau terem sido boas por aqui, 20% do cacau usado pela indústria nacional ainda é importado. Para compensar a alta dos custos e não espantar o consumidor, a saída encontrada por muitas indústrias de chocolate foi aumentar a produção de ovos de Páscoa menores. A fabricante Genebra, de São Paulo, por exemplo, vai produzir neste ano oito mil ovos de 200 gramas a mais que em 2015.

Mesmo com a expectativa de vender menos nesta Páscoa, a Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab) acredita que o lançamento de 140 novos produtos este ano pode reduzir a queda de vendas nas próximas semanas. Afinal, mesmo em crise, o Brasil continua sendo um dos principais mercados consumidores de chocolate do mundo.

 

Fonte: Canal Rural

Comentários