Cotações
Ver todas

01 de agosto de 2016

Ilhéus estimula produção orgânica de amêndoas de cacau

DSC00133

Os pequenos produtores da cidade de Ilhéus poderão se capacitar e atingir melhores resultados na produção orgânica de amêndoas de cacau na Bahia. Esta novidade é viabilizada por meio da parceria entre a Ceplac (Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira) e a Seap (Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca) do município.

A iniciativa tem por objetivo promover mudanças no setor de cacauicultura , permitindo que novas técnicas de manejo sejam utilizadas, contribuindo para o aumento do valor agregado ao produto. Para Sebastião Vivas, secretário de Agricultura de Ilhéus, a forma de cultivo do cacau na região já é reconhecida pela sua excelência. “Em virtude do cultivo não ser marcado pela utilização de fertilizantes, herbicidas ou pesticidas sintéticos, ele acaba gerando produtos de alta qualidade. Outro diferencial é a utilização de sementes de cacau altamente selecionadas, o que resulta em um processo de fabricação de chocolate orgânico e ligado a uma alimentação mais saudável”, avalia.

A intenção é que este incetivo traga uma nova fase de produção, que inicialmente será focada nas amendôas do cacau ou no próprio chocolate. Sebastião Vivas também comenta que o mercado local já conta com marcas consolidadas, fato que impulsiona ações como a implantação da Indústria de Chocolate da Bahia – anúncio realizado pelo vice-governador João Leão no Festival Internacional do Chocolate e Cacau. Este projeto será fruto da parceria do governo baiano com empresários do setor, e envolve cerca de 30 pequenas indústrias chocolateiras.

Comentários