Cotações
Ver todas

07 de outubro de 2015

Estudantes criam aplicativo para que pais acompanhem a vida escolar dos filhos

aplicativo

Os es­tu­dantes Thiago Mendes e Kaick Sousa, do Co­légio Es­ta­dual Arthur Vi­eira de Oli­veira, no mu­ni­cípio de An­guera, a 153 km de Sal­vador, de­sen­vol­veram um apli­ca­tivo para fa­ci­litar o acesso de in­for­ma­ções sobre a vida es­colar dos es­tu­dantes. De­no­mi­nado de Ce­a­ti­vista (7vistas), a fer­ra­menta pos­si­bi­lita o acesso a in­for­ma­ções, como notas das ava­li­a­ções, avisos, ins­tru­ções, lem­bretes, ta­refas e afa­zeres das re­fe­ridas ma­té­rias, con­tri­buindo para que os pais possam acom­pa­nhar a vida es­colar dos fi­lhos. A ex­pe­ri­ência foi apre­sen­tada à Se­cre­taria da Edu­cação do Es­tado da Bahia para ve­ri­ficar a vi­a­bi­li­dade do seu uso por pro­fes­sores, es­tu­dantes e as fa­mí­lias.

“A ideia ini­cial foi criar uma agenda ele­trô­nica que lem­brasse os es­tu­dantes sobre as ta­refas e os ho­rá­rios de aulas. Quem uti­lizar o apli­ca­tivo vai poder ve­ri­ficar quais são os exer­cí­cios de casa, por meio de ano­ta­ções dis­po­ni­bi­li­zadas pelo pro­fes­sores. Ainda es­tamos ten­tando de­sen­volver um ´Diário do Pro­fessor´, com ano­ta­ções e notas dos alunos”, ex­plica Thiago Mendes, 15 anos, es­tu­dante do 9º ano, res­sal­tando a ori­en­tação da pro­fes­sora Geiza Mendes, no de­sen­vol­vi­mento do pro­jeto.

O pro­jeto, que foi de­sen­vol­vido através de uma pla­ta­forma gra­tuita do apli­ca­tivo no for­mato html5, está sendo re­co­nhe­cido na­ci­o­nal­mente. “Após fi­carmos em 2º lugar na IV Feira de Ci­ên­cias e Ma­te­má­tica da Bahia, no ano pas­sado, agora vamos re­pre­sentar o Es­tado, no dia 26 de ou­tubro, na Mostra Bra­si­leira de Ci­ência e Tec­no­logia (Mos­tratec), em Ham­burgo, no Rio Grande do Sul. A es­cola abraçou a ideia e es­pe­ramos levar este pro­jeto à frente”, des­tacou Kaick Sousa, 16, es­tu­dante do 1º ano.

A co­or­de­na­dora da As­ses­soria de Pla­ne­ja­mento e Gestão, Fer­nanda Ku­magai, da Se­cre­taria da Edu­cação da Bahia, res­saltou o tra­balho e a ini­ci­a­tiva dos es­tu­dantes. “Nós es­tá­vamos pen­sando em um apli­ca­tivo pa­re­cido, mas o di­fe­ren­cial é que os es­tu­dantes trazem uma visão da es­cola. E essa in­di­cação nos pro­por­ciona de­sen­volver um pro­jeto mais pró­ximo da re­a­li­dade do es­tu­dante, do pro­fessor e dos pais. Este é um pri­meiro passo, onde gos­ta­ríamos de contar com o apoio deles para o de­sen­vol­vi­mento fu­turo de um apli­ca­tivo nestes moldes.”

Bo­letim on­line

Os pais já podem acom­pa­nhar as notas e as frequên­cias dos fi­lhos nas es­colas sem pre­cisar ir à uni­dade, par­ti­ci­pando mais ati­va­mente do co­ti­diano es­colar do es­tu­dante. Isto é pos­sível graças ao Bo­letim On­line, criado pela Se­cre­taria da Edu­cação do Es­tado. A fer­ra­menta, uma das ações da Se­cre­taria no sen­tido de apro­ximar ainda mais fa­mília e es­cola, está dis­po­nível no Portal da Edu­cação (www.​educacao.​ba.​gov.​br). Para ter acesso, é ne­ces­sário en­trar com o nú­mero da ma­trí­cula e a data de nas­ci­mento do es­tu­dante.

Fonte: ASCOM Secretaria de Educação da Bahia

Comentários