Cotações
Ver todas

Notícias

29 de maio de 2017, 14:58

Serviço de asfaltamento da BR-030, em Maraú, é garantido

Maraú 1

O vice-governador e secretário estadual de Planejamento e Gestão, João Leão, recebeu, na manhã desta segunda-feira (29), o deputado estadual Eduardo Salles e a prefeita de Maraú, Gracinha Viana, para tratar de ações emergenciais para a recuperação da BR-030. Estiveram presente também o presidente da Câmara Municipal de Maraú, Manassés ; o secretário municipal de Infraestrutura, Tinho; a assessora de gabinete, Adeilda Cerqueira; e os vereadores Paulino, Reginaldo, Osvaldo e Adelino Batista.

‘A estrada se encontra em um estado de calamidade por conta da forte chuva que tem atingido a região. Isso deixa a sede do município e alguns povoados completamente isolados”, disse o parlamentar.

Sensibilizado com a situação, o vice-governador ligou para o superintendente regional do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Amauri Lima, que disse ter boas notícias para o parlamentar e a prefeita de Maraú.

“Consegui colocar a recuperação da BR-030, no trecho de Boa Nova até a sede de Maraú, que tem o orçamento no valor de R$ 500 milhões, no PPI (Projeto Piloto de Investimentos) ”, explicou. O PPI é uma lista de obras prioritárias cujas verbas não podem ser bloqueadas.

Como ação de médio prazo, o parlamentar, a prefeita e os vereadores solicitaram o encascalhamento  no trecho para melhorar o trafego de pedestres e veículos que transitam todos os dias pela região.  Amauri afirmou que vai agilizar o projeto para que, no mês de junho, possa realizar o serviço

“Com o serviço, teremos condições de oferecer melhor qualidade de vida à população da região. Ao lado da prefeita Gracinha e de todo o meu grupo político, seguiremos na expectativa para a recuperação dessa estrada que é tão solicitada pelos moradores”, afirmou Eduardo Salles.

O grupo político de Maraú assumiu o compromisso de buscar o licenciamento ambiental, fundamental para que a obra possa ser realizada.

26 de maio de 2017, 13:57

CERB autoriza instalação de sistemas de abastecimento em comunidades de Barra do Choça

CERB BARRA DO CHOCA

Durante audiência com o presidente da CERB (Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia), Marcus Bulhões, o deputado estadual Eduardo Salles e o ex-prefeito de Barra do Choça, Oberdan Rocha, solicitaram informações sobre demandas que já haviam sido apresentadas em reuniões anteriores.

Bulhões aproveitou para informar que foi liberada a instalação do sistema de abastecimento das comunidades de Capão Verde e Sossego e que, em breve, os serviços serão iniciados.

Além disso, também solicitaram, a pedido do vereador Francisco Neto, que fosse avaliada a possibilidade de instalação de um poço artesiano no Instituto Bom Samaritano, um centro de recuperação que atende pessoas envolvidas com drogas e funciona na Fazenda Maracujá. O presidente da CERB afirmou que encaminhará a solicitação para análise e, em seguida, dará uma resposta oficial.

“O compromisso do nosso grupo político é trabalhar para continuar oferecendo melhores condições de vida para a população de Barra do Choça e não mediremos esforços para isso”, afirma Eduardo Salles.

26 de maio de 2017, 13:39

Ponto Novo recebe Programa de Rastreamento do Câncer nesta segunda-feira (29)

rastreamento

A ação itinerante do Saúde sem Fronteiras com o Programa Rastreamento do Câncer de Mama chega a Ponto Novo nesta segunda-feira (29). A unidade vai ficar estacionada Praça do Comércio, em frente à Igreja Católica, até o dia 03 de junho, atendendo mulheres de 50 a 69 anos.

As mulheres que se enquadram na faixa etária estabelecida pela SESAB (Secretaria Estadual de Saúde) e que desejam atendimento devem levar um documento de identidade, Cartão do SUS e comprovante de endereço. As pacientes diagnosticadas positivamente terão o tratamento cirúrgico, quimioterápico ou radioterápico realizado em unidades de alta complexidade em oncologia na região.

Para o deputado estadual Eduardo Salles, a carreta só vai levar benefícios às moradoras. “É preciso chamar a atenção das mulheres para a importância da prevenção. Por isso, aproveito para parabenizar o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas Boas, que tem levado esse projeto para todo o estado, permitindo que as mulheres tenham acesso ao serviço”, afirma o parlamentar.

O Saúde sem Fronteiras da SESAB tem o objetivo de ampliar e descentralizar o acesso a serviços de saúde em toda a Bahia e vai atender uma parte das mulheres que ainda não tiveram a oportunidade de realizar mamografia, exame que detecta precocemente casos de câncer de mama.

“Ao lado do ex-prefeito Adelson e de todo nosso grupo político, continuarei trabalhando para efetivar ações que beneficiem a população de Ponto Novo”, acrescenta Eduardo Salles.

 

26 de maio de 2017, 12:21

Melhorias no abastecimento de água para comunidades de Bom Jesus da Lapa são solicitadas na CERB

BJ

Ampliar o abastecimento de água em comunidades de Bom Jesus da Lapa foi pauta da audiência com o deputado estadual Eduardo Salles, o vice- prefeito Carlos Nascimento, o vereador, Zenilton Rodrigues, os secretários municipais de Assistência Social e do Interior, Ricardo de Sá e Alan Miranda, respectivamente, nesta quarta-feira (24), com o presidente da CERB (Companhia de Energia Hídrica e de Saneamento), Marcus Bulhões.

Na reunião, foram solicitadas a instalação e perfuração de poços artesianos, visitas de técnicos da empresa para avaliação de sistemas, contemplando as comunidades de Barreiro Grande, Lagoa dos Bois, Represa, Poços, Barreiro Grande , Vai quem quer, Juazeiro Pé de Serra, Fazenda Paraná e Capoeira.

Na oportunidade, Bulhões explicou que para a comunidade de Lagoa dos Bois, a visita já está autorizada em caráter de urgência; em Represa, a CERB já locou o poço e pela dificuldade de encontrar água, foi encaminhado para o setor de geofísica; para a comunidade de Poços será realizada a abertura de processo para perfuração. Bulhões garantiu ainda que irá liberar instalação dos poços em Barreiro Grande e Pé de Serra. A Fazenda Paraná teve o processo de concepção autorizado e Capoeiras, a alocação do poço foi autorizada. Para a comunidade Vai quem quer, a CERB já locou o poço.

O deputado Eduardo Salles destacou que a audiência também é uma demanda do prefeito Eures Ribeiro e que têm urgência em resolver essas questões. “A nossa intenção é sempre buscar ações que priorizem o bem-estar da população. Sem dúvidas, o acesso à água é uma demanda urgente e que sempre tratamos com prioridade”, ressalta o parlamentar.

25 de maio de 2017, 17:25

CURAÇÁ: Instalação de poços artesianos e ampliação de sistema de abastecimento são solicitados na CERB

curaca2

Na intenção de melhorar o abastecimento de água para Curaçá, o deputado estadual Eduardo Salles e o vereador Laerty Tanúrio participaram de audiência, nesta quarta-feira (24), com o presidente da CERB (Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia), Marcus Bulhões. Na ocasião, foi solicitada a instalação de poços artesianos nas comunidades de Santa Rita, Roçado, Alto de Pedra, Lajedo e Rancho Jiboia, beneficiando um total de 85 famílias.

Além disso, foi solicitada a visita técnica da CERB na Fazenda Poço Fundo, onde vivem 50 famílias, para avaliar a possibilidade de ampliação do sistema de abastecimento de água e instalação de um poço artesiano no local. “Nessa comunidade, as pessoas estão utilizando carro-pipa porque o poço existente não atende a demanda”, explicou Laerty.

O presidente da CERB afirmou que irá encaminhar equipe para que as demandas sejam avaliadas e, posteriormente, os serviços sejam liberados.

O deputado Eduardo Salles garantiu que continuará acompanhando para que o serviço seja concluído. “A minha obrigação como parlamentar é tentar sempre levar obras e ações que atendam às demandas da população. A melhoria na oferta de água é uma necessidade dos moradores e ao lado do ex-prefeito Carlinhos Brandão e do nosso grupo político no município, vou trabalhar para oferecer o melhor a Curaçá”, lembra Eduardo Salles.

25 de maio de 2017, 16:23

Melhorias nos sistemas de abastecimento de água para comunidades de Cruz das Almas

cerb4Na intenção de melhorar o abastecimento de água para Cruz das Almas, o deputado estadual Eduardo Salles e o vice-prefeito Max Passos participaram de audiência, nesta quarta-feira (24), com o presidente da CERB (Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia), Marcus Bulhões.

Na ocasião, foram solicitados serviços de instalação de sistemas de abastecimento, ampliação e visita de técnicos para as comunidades de Tintureiro, Araçá, Piaba e Boca da Mata.

Marcus Bulhões garantiu que irá tratar as demandas com a maior celeridade possível. “As solicitações já foram encaminhadas para o setor responsável aqui na CERB e, em breve, nossas equipes irão realizar visitas para avaliar as necessidades de cada uma dessas comunidades”, garantiu Bulhões.

Eduardo Salles aproveitou para pontuar que continuará trabalhando com seu grupo político para oferecer melhores condições de vida à população de Cruz das Almas. “A minha obrigação como parlamentar é tentar sempre levar obras e ações que atendam às demandas da população. A melhoria na oferta de água é uma necessidade de milhares de moradores”, lembra Eduardo Salles.

25 de maio de 2017, 15:30

Ministério da Agricultura criará comissão para discutir revitalização da Ceplac

IMG_6330

O projeto de revitalização da Ceplac (Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira) e a situação da produção do cacau no país foram temas de duas audiências realizadas em Brasília na última terça-feira (23), e que contaram com a participação do deputado estadual e presidente da Comissão de Agricultura da ALBA (Assembleia Legislativa da Bahia), Eduardo Salles.

Em reunião com o ministro em exercício da Agricultura, Eumar Novacki, o parlamentar, juntamente com o vice-governador da Bahia, João Leão, o deputado federal Davidson Magalhães, o deputado estadual Gika Lopes, e uma comissão de funcionários da Ceplac discutiram o futuro da instituição e a necessidade de medidas urgentes para preservar o trabalho que vem sendo realizado nos seis estados de atuação: Bahia, Espírito Santo, Pará Rondônia, Amazonas e Mato Grosso.

O grupo sugeriu ao ministro que seja criada uma Comissão para estudar a situação da Ceplac e a proposta foi aceita.  Eumar Novacki garantiu a publicação da portaria com a nomeação dos membros que formarão a Comissão já em 5 de junho, dia Internacional do Cacau.  “Esse é um compromisso que o ministério está assumindo com vocês, de formar a comissão e avaliar quais ações podem ser adotadas”, garantiu o ministro interino.

Eduardo Salles aproveitou a ocasião para agradecer a visita de Novacki à Ceplac, em setembro do ano  passado, quando estiveram juntos, e exaltou a importância do órgão.”A Ceplac não é simplesmente uma pesquisadora ou extensionista de cacau, é uma agência de desenvolvimento regional e se tornou referência para toda uma região. Além disso, hoje, nós (o Brasil) somos  um dos maiores produtores do mundo de graviola, graças a Ceplac, porque essa fruticultura foi desenvolvida e estimulada pela instituição”, ressaltou o parlamentar.

O vice-governador e secretário de Planejamento da Bahia, João Leão, também destacou a contribuição da Ceplac para o estado. “A Ceplac era uma das grandes alavancas da Bahia, pois a partir dela se introduziu diversas culturas no estado. Hoje, a situação é preocupante, pois a instituição está abandonada e temos a obrigação de encontrar uma solução”, destacou.

MANIFESTO PELA REVITALIZAÇÃO

Na manhã de terça-feira (23), foi realizada uma Audiência Pública na Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados para discutir a revitalização da Ceplac e a situação da produção do cacau no país. A audiência foi proposta pelo deputado federal Davidson Magalhães e contou com a participação do deputado Eduardo Salles, de representantes da Ceplac e do setor cacauicultor.

Ao final da audiência, ficou acordado para o dia 5 de junho, o lançamento de um manifesto pela revitalização, durante evento na Ceplac, em Ilhéus. Na ocasião, também serão esclarecidos os pontos discutidos na audiência com o ministro interino da Agricultura, Eumar Novacki.

Como presidente da Comissão de Agricultura da ALBA,  Eduardo Salles irá apresentar a proposta do manifesto à Comissão e buscar a aprovação junto aos seus colegas do colegiado.

Já no dia 7 de junho, será realizado um evento no Congresso Nacional para sensibilizar os deputados sobre a importância de aprovar e consolidar a Ceplac como uma autarquia.

 

24 de maio de 2017, 15:42

Eduardo Salles discute renegociação das dívidas dos produtores e redução do preço do milho no Ministério da Agricultura

IMG_6342

Em audiência com o ministro interino da Agricultura, Eumar Novacki, o deputado estadual e presidente da Comissão de Agricultura da ALBA  (Assembleia Legislativa da Bahia), Eduardo Salles, apresentou duas demandas importantes para o setor o agropecuário: a extensão do prazo até dezembro de 2016 para renegociação das dívidas dos produtores do Nordeste e redução do valor no preço do milho comercializado por meio do programa Venda em Balcão da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), que hoje custa RS 33, a saca de 60 quilos.

A Comissão de Agricultura da ALBA já encaminhou ofício aos senadores e deputados federais baianos solicitando apoio para que a renegociação das dívidas dos agropecuaristas baianos tenha seu prazo ampliado. Eduardo Salles explica que embora a Lei 13.340/2016 tenha permitido a concessão de descontos na renegociação de dívidas contratadas pelos produtores, só cobre as dívidas contraídas até dezembro de 2011.

“Solicitei ao ministro que seja avaliada a possibilidade de estender esse prazo para até dezembro de 2016, com as mesmas condições já negociadas, pois a seca dos últimos seis anos já é considerada a pior da história e segue trazendo prejuízos aos produtores baianos . Além disso, os agropecuaristas não estão conseguindo pagar as parcelas vencidas e vincendas de seus contratos com as instituições financeiras”, explica Salles.

O deputado também já discutiu o assunto com o presidente da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), João Martins, para que ações sejam adotadas em conjunto.

MILHO SUBSIDIADO

No início do mês de abril, o governo federal autorizou a venda de 200 mil toneladas de milho para os produtores do Nordeste, por meio do programa Venda em Balcão da Conab. Desde então, o produto vem sendo comercializado a R$ 33 por saca de 60 kg e com limite de compra de 10 toneladas/mês.

“Solicitei ao ministro que este valor seja revisto, pois o valor de mercado hoje é de R$ 25. Sugeri que o milho seja comercializado a R$ 18,12, a saca, mesmo valor de dois anos atrás”, ressalta.

Eumar Novacki ouviu as demandas do parlamentar e afirmou que concorda com os pleitos apresentados. “O Ministério entende que os argumentos são válidos, mas, nestes casos, esbarramos na questão financeira que fica a cargo do Ministério da Fazenda. Sempre abraçamos a causa do produtor” ressaltou Novacki.

ARMAZÉNS ITINERANTES

Na sexta-feira (19), o deputado Eduardo Salles esteve com o superintendente regional da Conab, Franklin Andrade, para solicitar a instalação de armazéns itinerantes nos municípios polos de Bom Jesus da Lapa, Baixa Grande, Amargosa, Jacobina, Jequié, Juzeiro, Maracás, Vitória da Conquista, Seabra, Feira de Santana, Ponto Novo,Chorrochó e Paramirim, quando também discutiu a redução do preço do milho comercializado no programa Vendas em Balcão.

A solicitação de instalação dos armazéns itinerantes tem por objetivo facilitar o acesso de produtor ao milho e reduzir o seu custo com transporte, além de garantir a segurança alimentar do rebanho neste período de longa estiagem. Entre os municípios que serão beneficiados com a instalação dos armazéns, estão: Curaçá, Casa Nova, Sento Sé, Sobradinho, Serra do Ramalho, Paratinga, Sitio do Mato, Piritiba, Tapiramutá, Macajuba, Ourolândia, Morro do Chapéu, Bonito, Ipiaú, Ibirataia, Nova Ibiá, Itagibá, Lagedo do Tabocal, Itiruçu, Barra do Choça e Rio do Pires.

Para que a instalação seja realizada, o superintendente da Conab informa que os prefeitos e lideranças dos municípios polo precisam atender a alguns requisitos. “Os prefeitos precisam encaminhar um ofício, mais rápido possível, com todas as informações objetivas do que se propõe a dar, se possível,  com foto do armazém, a localização, onde fica, endereço, tudo especificado.

Após esta etapa, o superintendente garantiu que irá encaminhar estes ofícios com um parecer técnico. “Isso já vai ser submetido à superintendência de armazenagem, para que eles mandem os técnicos fazerem a vistoria para ver se atendem os requisitos ou não, e tendo informações específicas do imóvel. Depois que for feita a vistoria, vai ser submetida a aprovação da diretoria colegiada”, detalhou superintendente.

 

Página 4 de 74« Primeira...23456...102030...Última »