Cotações
Ver todas

Notícias

21 de junho de 2017, 11:46

Bonito recebe pipinha de 4 mil litros após solicitação de Eduardo Salles

pipinha1 (1)

Na manhã desta quarta-feira (21), o prefeito de Bonito, Reinan Cedro recebeu um pipinha de 4 mil litros, disponibilizado após solicitação do deputado estadual Eduardo Salles à SDR (Secretaria de Desenvolvimento Rural) e a CAR (Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional).

Em função de compromissos pré-agendados, o parlamentar não participou da entrega, mas encaminhou o seu chefe de gabinete, Maurício Medeiros, para representá-lo. “Sei a dificuldade que muitas famílias de Bonito vivem em função da falta de água. Este equipamento irá ajudar bastante”, afirma Eduardo Salles.

O prefeito Reinan acrescenta que o equipamento será destinado à agricultura familiar. “Nós precisamos levar água para as pequenas comunidades que não têm sistema de abastecimento. É uma conquista que beneficiará centenas de famílias”, avalia o prefeito.

Eduardo Salles aproveitou para agradecer ao secretário Jerônimo Rodrigues e ao diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, pela liberação do equipamento. Deixo registrado o nosso agradecimento aos dois gestores por entenderem a importância desta demanda. Além disso, reafirmo o meu compromisso em continuar trabalhando em parceria com o deputado federal José Carlos Araújo, o prefeito Reinan, o ex-prefeito Edinho e todo nosso grupo político em Bonito para levar melhores condições de vida à população”, conclui Salles.

Também participaram da entrega os assessores da prefeitura, Luiz Henrique (Lula) e Joselino Nogueira (Zé).

20 de junho de 2017, 16:05

Curso de condução defensiva para motociclistas de Ilhéus é solicitado no DETRAN

 

DETRAN EDUARDO SALLES

 

O deputado estadual Eduardo Salles encaminhou, nesta terça-feira (20), um ofício ao diretor-geral do Detran (Departamento estadual de Trânsito), Lúcio Gomes, solicitando parceria com a CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) ou a prefeitura de Ilhéus para a realização do curso de condução defensiva para os motociclistas do município. O objetivo é prevenir acidentes, minimizar os danos no caso de colisões e evitar mortes no trânsito da região.

O parlamentar tomou essa iniciativa após o acidente que vitimou o ex-vereador Cacá da Etesi, no último sábado. “Ele era uma pessoa querida por todos e que deixará na memória a lembrança de um ser humano que prezava muito a família e os amigos”, lamentou Eduardo Salles.

O deputado estadual ainda destacou que, durante sua visita à cidade, pode ouvir relatos de que, em pouco tempo, esse foi o quarto acidente com as mesmas características de atropelamento por motocicleta. “São relatos que merecem atenção e mostram a necessidade de ações educativas e de prevenção, por isso, pedi a sensibilidade do diretor-geral do Detran para a realização desse curso o mais breve possível. Junto com o ex-prefeito Jabes Ribeiro, o ex vice-prefeito Cacá Colchões, o nosso vice-governador João Leão, o deputado federal Mário Jr. e todo nosso grupo político, continuaremos buscando medidas estruturantes para o município”, disse o parlamentar.

20 de junho de 2017, 09:58

Ações em defesa da citricultura de Rio Real e do recôncavo baiano são apresentadas na SDR

87b7cf8b-bddb-4b57-bf81-bf5b34ca44d6

Para discutir ações definitivas de combate a praga da mosca negra, que tem levado prejuízos aos pequenos produtores que vivem da citricultura na região de Rio Real e no recôncavo baiano, o deputado estadual Eduardo Salles participou, nesta segunda-feira (19), de audiência com o prefeito de Rio Real, Carroça, o prefeito e vice-prefeito de Governador Mangabeira, Marcelo Pedreira e Orlandinho Leite, respectivamente, e o diretor-presidente da CAR (Companhia de Ação e Desenvolvimento Regional), Wilson Dias,  o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, e o chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro.

“A mosca negra tem prejudicado bastante a citricultura baiana e os pequenos agricultores estão perdendo suas produções. Solicitamos o apoio da SDR para que possamos encontrar soluções definitivas que assegurem as dezenas de empregos gerados nessa atividade”, explica o parlamentar.

Foram solicitados a reforma da borbulheira de Rio Real,  que foi implantada na gestão de Eduardo Salles como secretário estadual de Agricultura, e a construção de um viveiro telado para a produção de mudas no município, que tem investimento total de aproximadamente R$ 400 mil.  Outro viveiro telado para Governador Mangabeira, que fica no recôncavo baiano, também foi solicitado. A construção dos viveiros foi garantida e a reforma da borbulheira será realizada por meio do Bahia Produtiva. Um viveiro telado está em fase de construção em Cruz das Almas, também no recôncavo.

A produção de inimigos naturais para o controle biológico da mosca negra também foi discutida. A partir do trabalho entre a ADAB e a SDR, será avaliada uma parceria com a Agência de Defesa de Sergipe, que já possui uma Biofábrica de mudas. A sugestão de parceria com a primeira Biofábrica do Brasil, a Moscamed, em Juazeiro, também foi levantada, mas um impasse por conta de uma possível falta de prestação de contas foi identificado. Por fim, houve a indicação de que a construção da biofábrica na Bahia seja feita próximo ao laboratório da ADAB (Agência de Defesa Agropecuária da Bahia), para facilitar as estratégias do setor.

“Saímos da audiência com a esperança de que, em seis meses, a Bahia poderá ter condições de produzir insetos que serão fundamentais no combate à mosca negra. Assim como venho atuando desde o início do meu mandato, continuarei trabalhando para criar programas de incentivo à citricultura e buscando soluções para assegurar os milhares de empregos gerados por essa atividade no estado”, disse Eduardo Salles.

Estiveram presentes também o secretário de Agricultura de Rio Real, Valmir Simões,  a coordenadora do Projeto Fitossanitário de Citros e fiscal agropecuária da ADAB, Suely Brito, o coordenador técnico de Pesquisa, Extensão e Inovação Tecnológica (Cepex/SDR), Nero, e o chefe de gabinete do deputado federal Cacá Leão, André Miranda.

19 de junho de 2017, 17:54

Ofício será encaminhado ao governador Rui Costa para fortalecer ações de defesa agropecuária na Bahia

DSCN0593

A Importância da Defesa Agropecuária na Bahia foi tema da audiência pública realizada nesta segunda-feira (19), no plenário da Assembleia Legislativa, e discutiu a necessidade de ações que fortaleçam a ADAB (Agência de Defesa Agropecuária da Bahia). O órgão é responsável pela inspeção e controle dos produtos oriundos da agropecuária e, nos últimos anos, vem enfrentando dificuldades relacionadas a redução no quadro de funcionários, recursos financeiros, entre outras questões estruturantes.

O deputado estadual Eduardo Salles, proponente da audiência, que foi aprovada, por unanimidade pela Comissão de Agricultura da ALBA, propôs que seja elaborado um ofício, com contribuições da AFA (Associação dos Fiscais Estaduais Agropecuários da Bahia) e ASSERF (Associação dos Especialistas e Fiscais do Grupo Ocupacional Fiscalização e Regulação do Estado da Bahia), no qual serão apresentadas proposições para que o estado realize os investimentos necessários na Agência de Defesa. O documento será enviado ao governador Rui Costa.

“Tenho certeza que o governador tem feito muitos esforços para manter o nosso estado crescendo. E, neste momento, vamos pedir a sua sensibilidade para esta questão, pois a prevenção é uma demanda urgente. Não podemos nos omitir e correr o risco de ser surpreendido com entrada de pragas na Bahia”, explica Salles.

Entre os pontos discutidos na audiência, foi citado a necessidade de mudança na indicação de profissionais para os cargos de diretoria da ADAB. A principal sugestão é que as escolhas passem a ser realizadas por meio de uma lista tríplice, indicada pelos funcionários de carreira do órgão. Para as funções de coordenadoria, foi recomendado que no momento da indicação, a capacidade técnica dos profissionais seja levada em consideração.

O secretário estadual de Agricultura, Vitor Bonfim, defendeu que haja parceria entre a Agência e os gestores municipais e pontuou que a indicação por lista tríplice é uma possibilidade que pode ser avaliada. “É preciso uma relação mais próxima entre ADAB, a UPB, prefeitos e vereadores. Isso pode ser realizado por meio de um convênio de cooperação técnica, pois, ainda encontramos resistência a presença do órgão. A ADAB é a favor da defesa e do produto da agricultura familiar baiana”, destacou o secretário.

DADOS DA ADAB

Nos últimos anos, a ADAB vem passando por significativa redução do seu quadro de pessoal. Em 2007, o órgão contava com 1.952 servidores efetivos. Atualmente, este número está em 944, o que representa uma redução de 75,2%. Quanto aos servidores contratados via REDA, em 2007, o número de funcionário chegava a 592 e hoje, 147, uma redução de 52,7%.

Embora o cenário de dificuldades seja uma realidade, o diretor-geral da ADAB, Marco Vargas, afirmou que todos os esforços estão sendo feitos e que já tem agenda marcada, com o governador, para discutir a necessidade de realização de concurso para órgão. “Estamos aperfeiçoando o trabalho e conseguimos avançar na medida do possível. Agora, vamos renovar 10% da nossa frota de veículos. Entretanto, gostaria de deixar registrado, um pedido aos secretários e deputados, para que tentem dar mais agilidade e desburocratizar as demandas da ADAB”, revelou Vargas.

Na ocasião, estiveram presentes o secretário de Agricultura, Vitor Bonfim, o secretário de Infraestrutura e Recursos Hídricos e ex-diretor da ADAB, Cássio Peixoto, os deputados estaduais Gika Lopes, Fátimas Nunes, Luis Augusto, Rosemberg Pinto e Zé Neto. Também participaram o diretor da ADAB, Marco Vargas; o diretor-técnico do órgão, Paulo Emílio; o dirertor-presidente da AFA, José Neder Alves; a diretora-presidente da ASSERF, Andréa Kraychete; o superintendente do Ministério da Agricultura na Bahia, Osanah Setúval; o ex-diretor de Defesa Vegetal da ADAB, Armando Sá; o presidente da Associação dos Produtores de Café, João Lopes Araújo; o presidente da Associação Comercial da Bahia, Luis Fernando Queiroz; os ex-diretores da ADAB, Altair e Luciano Figueiredo.

14 de junho de 2017, 16:54

Eduardo Salles participa da assinatura de convênio para viabilizar instalação de Distrito Industrial em Ipiaú

IPIAÚ FOTO DISTRITO

O deputado estadual Eduardo Salles esteve em Ipiaú, nesta quarta-feira (14), para participar da assinatura do convênio de cooperação celebrado entre a Prefeitura e a SUDIC (Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial) para viabilizar a implantação de um Distrito Industrial no município. O convênio foi assinado pela prefeita Maria das Graças e o diretor-presidente da SUDIC, Jairo Vaz, durante audiência que reuniu vereadores, secretários municipais e empresários da região.  O diretor de Desenvolvimento Industrial da Superintendência, João Álvaro, também participou da reunião.

O parlamentar apresentou o anteprojeto de implantação do distrito, juntamente com a prefeita Maria das Graças, ao diretor da SUDIC, no dia 6 de junho. Na ocasião, ficou acordado para esta quarta-feira a visita ao local e assinatura do convênio. “Estamos dando o pontapé inicial para a implantação desta iniciativa que deve promover a geração de emprego e renda para toda a região. Ainda temos outras etapas pela frente, mas continuaremos trabalhando para concretizar esta conquista”, ressalta o parlamentar.

Após a assinatura, o grupo visitou a área onde deve ser instalado o Distrito Industrial e o diretor Jairo Vaz ficou satisfeito com as condições do local. “É uma área com potencial excelente, pois a sua localização pode ser considerada estratégica, com acesso a dutos de gás, temos energia elétrica, além de uma mineradora estar bem próxima, o que facilita a atração de indústrias para esta região”, explicou.

Ao ser questionado sobre o prazo para instalação do distrito, Jairo Vaz esclareceu que depende da conclusão de algumas etapas. “Não acredito que seja algo para longo prazo, mas precisaremos de estudos das áreas ambiental e empresarial, além da atração de investimentos, que a prefeita Maria das Graças e o deputado Eduardo Salles já sinalizaram estarem empenhados em conseguir. Já estamos trabalhando no projeto básico e, em seguida, iremos regularizar a parte fundiária do terreno”, pontuou.

A prefeita Maria das Graças comemorou a assinatura do convênio. “Tiramos da gaveta um projeto de 2007, da gestão do ex-prefeito José Mendonça, e agora estamos dando os primeiros passos para realizar o sonho de toda a família ipiauiense. O município volta a crescer com foco na geração de emprego e renda para nossa gente”, comemorou a prefeita.

 

13 de junho de 2017, 15:38

Piritiba e Tapiramutá recebem novas ambulâncias adquiridas com recursos de emenda do deputado Eduardo Salles

foto site

Em evento na tarde desta terça-feira (13), duas ambulâncias foram entregues pelo governador Rui Costa, o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, e o deputado estadual Eduardo Salles, aos prefeitos de Piritiba e Tapiramutá, Samuel Santana e Ju, respectivamente. Os equipamentos foram adquiridos por meio de recursos de emenda parlamentar do deputado Eduardo Salles.

Ao lado dos prefeitos Samuel Santana e Ju, o parlamentar comemorou a entrega. “Além de ser uma importante ferramenta para assegurar a saúde da população, as ambulâncias irão oferecer mais qualidade de vida e segurança a quem precisa”, afirmou.

Eduardo Salles informou que houve atraso na entrega das ambulâncias, pois o fornecedor não cumpriu o prazo previsto em contrato. “A entrega para os municípios que me comprometi em disponibilizar um equipamento, está garantida e será realizada conforme os veículos sejam liberados. Neste momento, estou entregando, primeiro, para os prefeitos eleitos”, explica Salles.

Neste ano, o parlamentar já entregou ambulâncias para os municípios de Maraú, Ipiaú, Rio Real e Bonito. Na cerimônia desta terça-feira, foram entregues 56 ambulâncias, dois hemóveis e 35 veículos para Suvisa (Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde), órgão ligado à Secretaria Estadual de Saúde.

13 de junho de 2017, 10:02

Projeto para implantação de Geoparque visa geração de empregos em Morro do Chapéu

foto geoparque 2

O deputado estadual Eduardo Salles se reuniu, nesta segunda-feira (12), com a vice-prefeita de Morro do Chapéu, Juliana Araújo, o deputado federal José Carlos Araújo, o ex-prefeito Odilésio Gomes, e o consultor da UNESCO, Eduardo Guimarães, em audiência com o vice-governador e secretário estadual de Planejamento, João Leão. Na oportunidade, o vice-governador afirmou que vai ajudar no processo para acelerar a implantação de um Geoparque, em Morro do Chapéu, que visa geração de emprego e renda para a região.

“Juntamente com o apoio das secretarias estaduais de Desenvolvimento Rural, Cultura, Turismo, Meio Ambiente e Agricultura estou disponibilizando minha equipe que dará todo o suporte necessário para apresentarmos esse projeto finalizado ao governador Rui Costa, o mais breve possível”, afirmou João Leão.

Também ficou estabelecido que o deputado federal José Carlos Araújo irá destinar emendas parlamentares para implantação do Geoparque, e o deputado estadual Eduardo Salles, imediatamente, se prontificou a ser o relator do projeto.

Eduardo Salles defende a implantação do Geoparque que vai estimular a economia de Morro do Chapéu e região. “Promover o desenvolvimento do turismo, alinhado à conservação e preservação das belezas naturais é um caminho para a geração de emprego, renda e desenvolvimento regional”, ressalta o parlamentar.

Atualmente existem no mundo 130 Geoparques. No Brasil, há apenas um, o Geoparque Araripe, localizado no Ceará e que custou, nos primeiros quatro anos, entre R$ 8 e 12 milhões ao estado. O Geoparque é um título concedido pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) a uma área com limites bem definidos, sem desapropriação, que possa unir proteção do patrimônio geológico e desenvolvimento sustentável com o envolvimento das comunidades locais.

Atento para as necessidades de desenvolvimento de Morro do Chapéu, o governador João Leão aproveitou a audiência para anunciar que está estudando, junto com a Escola de Artes e Formação Profissional Rodolfo Vantini, que fica na Itália, e é referência pelos seus trabalhos com mármore, a viabilidade para implantação de uma filial no município.

12 de junho de 2017, 17:08

Eduardo Salles participa de audiências com prefeito e vereadores de Rio Real para tratar demandas do município

rio_real1

O deputado estadual Eduardo Salles, o prefeito Carroça e vereadores de Rio Real participaram de audiências, nesta segunda-feira (12), para discutir demandas do município que abordaram segurança, serviço de emissão de carteira de habilitação e investimento no combate a mosca negra, praga que ataca a citricultura. A primeira reunião foi com o vice-governador, João Leão, e o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, quando solicitaram reforço nas ações para reduzir os índices de violência em Rio Real.

Eduardo Salles destacou que, durante reunião, na última sexta-feira (9), em Rio Real , com associações de produtores, ouviu relatos preocupantes. “Existem localidades em que a população tem restrição para sair depois de determinado horário por medo da violência. A situação é extremamente grave”, destacou o parlamentar.

O secretário Maurício Barbosa garantiu que irá avaliar todo o cenário e que ações serão adotadas para garantir a tranquilidade da população. “Entendo todos os pontos que foram apresentados e vamos implementar medidas que atendam essas demandas”, afirmou Barbosa.

O deputado estadual  Alex Lima e o secretário Maurício Barbosa participaram da primeira parte da reunião.

 Escola Pública de Trânsito

A instalação de uma EPTRAN (Escola Pública de Trânsito) em Rio Real foi discutida com o vice-governador. A unidade oferece, gratuitamente, o serviço de emissão de habilitação para carros e motos. “Solicitamos o apoio de João Leão para viabilizar esta iniciativa, imediatamente, ele ligou para o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes, que garantiu a instalação de uma EPTRAN itinerante no município, até o mês que vem”, explicou Eduardo Salles.

Além disso, o grupo pediu que seja instalada uma unidade fixa da  EPTRAN no município e teve a solicitação atendiada. Como contrapartida, ficou acordado que a Prefeitura ficará responsável por ceder o espaço e equipe para que a instalação seja facilitada. O deputado Eduardo Salles e o deputado federal Cacá Leão ficarão responsáveis pela disponibilização dos veículos.

“Já encaminhamos ao Detran um ofício assinado por todos nós, incluindo vereadores da oposição e da situação, confirmando tudo o que foi acordado por telefone entre o vice-governador e o diretor Lúcio Gomes”, esclareceu Salles.

Combate a mosca negra

Durante audiência com o chefe de gabinete da SDR (Secretaria de Desenvolvimento Rural), Jeandro Ribeiro, o grupo solicitou a disponibilização de dois tratores com pulverizadores para que sejam utilizados no combate a mosca negra. A audiência é um desdobramento da reunião que Eduardo Salles participou com as associações de produtores, em Rio Real, na última sexta-feira (9), quando ouviu os problemas que estão sendo vivenciados.

“As plantações dos pequenos produtores estão sendo dizimadas, e é necessário uma ação agora ou corremos o risco de comprometer a citricultura do nosso estado”, alerta o parlamentar.

Foi sugerido que seja assinado um convênio com a Secretaria de Agricultura de Sergipe, pois o estado já possui uma biofábrica, que produz o inimigo natural da mosca negra.

“Precisamos fazer o controle biológico da mosca negra e a Bahia ainda não possui uma biofábrica que produza esse inimigo natural. Por isso, propomos essa cooperação, para que o custeio da fábrica seja dividido. A partir daí, também, dividiríamos os insetos produzidos na biofábrica”, explica.

Eduardo Salles ainda esclarece que esta é uma iniciativa de médio prazo pois, caso a cooperação seja iniciada agora, os insetos só estarão prontos na fábrica daqui a seis meses. “Por isso temos que reduzir a mosca negra agora e, em seguida, utilizarmos os insetos no combate”, conclui.

Página 1 de 7412345...102030...Última »