Cotações
Ver todas

11 de agosto de 2017

Eduardo Salles e o prefeito Ju solicitam instalação de unidade do SAC em Tapiramutá

SAC TAPIRAMUTA (1)

Facilitar o acesso da população aos serviços oferecidos pelo SAC é o objetivo do deputado estadual Eduardo Salles e do prefeito de Tapiramutá, Ju. Nesta quinta-feira (10),  os dois participaram de audiência com o secretário estadual de Administração, Edelvino Góes, acompanhados pelo vereador do município, Bal Maia, para solicitar a instalação de um Ponto Cidadão no município. Atualmente, os moradores de Tapiramutá precisam se deslocar  até Jacobina para fazer seus documentos. Já emissão da carteira de habilitação e outros serviços relacionados ao Detran são realizados em Mundo Novo.

No Ponto Cidadão serão emitidos Carteiras de Identidade, Carteiras de Habilitação, CPFs, Carteiras de Trabalho  e antecedentes criminais. “O nosso trabalho para instalar um Ponto Cidadão no município representa um resgate da cidadania da população de Tapiramutá que não dispõe desses serviços e encontra dificuldades para ter acesso a algo básico, que é seu documento de identificação em mãos”, ressalta Eduardo Salles.

A proposta é que a instalação da unidade seja realizada por meio de parceria entre a SAEB (Secretaria de Administração da Bahia) e a Prefeitura. O gestor municipal, Ju, afirmou que já possui uma área disponível para implantação do Ponto Cidadão. O secretário Edelvino Góes explicou que também será necessária a liberação de 10 funcionários da prefeitura  para trabalharem na unidade a reforma do imóvel sugerido.

“A prefeitura tem interesse nessa parceria e irá viabilizar a liberação dos funcionários. Hoje, cerca de 60 pessoas se deslocam , mensalmente, para outros municípios e temos o custo de locação de ônibus para levar e buscar. Com o Ponto Cidadão, teremos condições de eliminar essa despesa e acelerar o processo de retirada de documentos”, ressaltou o prefeito Ju.

O secretário Góes garantiu que no mês de setembro uma equipe da SAEB irá visitar o local sugerido pela prefeitura para fazer uma análise da estrutura e, posteriormente, o projeto de implantação. “Para a instalação da unidade com os serviços do Detran inclusos, precisamos de área de aproximadamente 110 m². O nosso pessoal fará uma primeira análise para que seja realizado o cadastro do imóvel e o projeto. Quando a fase inicial estiver finalizada, a SAEB entra com os equipamentos, mobiliário, programação visual e capacitação dos profissionais que irão trabalhar no Ponto Cidadão”, esclarece Edelvino Góes.

“Tenho certeza que, em breve, iremos entregar esta conquista ao município. Vou continuar trabalhando, junto com o prefeito Ju, o ex-prefeito Luciano Nery, e todo nosso grupo político em Tapiramutá para levar ações que beneficiem a população”, revela Salles.

Comentários