Cotações
Ver todas

22 de setembro de 2017

Eduardo Salles discute estratégias para abastecimento de água para povoado de Itaetê e região

AUDIENCIA ITAETEO abastecimento de água para o povoado de Bananeiras, em Itaetê, é uma das prioridades do deputado estadual Eduardo Salles, que destinou recursos de emenda impositiva do seu mandato para levar água à região. Na quarta-feira (20), o o parlamentar participou de audiência com o presidente da CERB, Marcus Bulhões, e o diretor Antônio Matos e ficou definido que, na próxima semana, uma equipe técnica irá ao município.

Na tarde desta quinta-feira (21), o deputado voltou a tratar do assunto em reunião com o secretário de Infraestrutura Hídrica, Cássio Peixoto, o prefeito de Itaetê, Valdes Brito, o prefeito de Marcionílio Souza, Adenilton Meira, e o presidente e o diretor da CERB e discutiu a melhor estratégia para garantir o fornecimento de água para Bananeiras e toda a região. O secretário de Administração de Itaetê, Márcio Matos, também participou da conversa.

O grupo avaliou diversas opções de abastecimento para Bananeiras, entre elas o bombeamento da água direto da barragem Bandeira de Melo para o povoado, que foi considerado inviável por conta de uma diferença de nível de 550 metros de altitude. Também foi discutida a captação de água a partir do rio Una, através do sistema de tratamento que abastece Iramaia e a possibilidade de fazer uma nova captação a partir do Assentamento do Baixão.

“Ao avaliar todos os cenários, a opção que nos parece mais viável é a utilização do sistema que está em funcionamento na localidade de Moçambique. Neste local, a água é bombeada da barragem Bandeira de Melo até a serra, e de lá para Bananeiras”, explica Eduardo Salles.

Ainda foi ponderado que o sistema não tem funcionado perfeitamente em função de sangrias na adutora ao longo do caminho. A intenção é que seja avaliada a instalação de outra adutora até a serra. Na próxima semana, os técnicos estarão com os prefeitos para definir qual a melhor opção para garantir o abastecimento para Bananeiras e região, contemplando diversos assentamentos e povoados de Marcionílio Souza.

Também foi pontuado que existem recursos de um convênio do INCRA para sistemas de abastecimento que poderiam ser utilizados na obra. E a verba da emenda parlamentar do deputado seria usado na elaboração do projeto executivo. “A partir da elaboração do projeto executivo, poderemos conhecer o valor total do projeto e buscar os recursos do convênio com o INCRA. Saímos da audiência com o compromisso do secretário Cássio Peixoto e do presidente da CERB para encaminhar esta demanda e resolver definitivamente o problema da falta de água”, explica o deputado.

“Como representante político de Itaetê, já entreguei uma ambulância e um trator com todos os implementos ao município e, agora, vou trabalhar muito, com nosso grupo político, para efetivar este projeto”, conclui.

Comentários