Cotações
Ver todas

21 de maio de 2015

Comissão de Educação da ALBA conhece projeto em Morro do Chapéu

O teatro Odilon Costa, em Morro do Chapéu, foi o local escolhido para receber nesta quinta-feira (21) a audiência itinerante da Comissão de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviço Público da ALBA (Assembleia Legislativa da Bahia).

Os parlamentares do colegiado assistiram a apresentação de como funciona o Projeto Aluno Nota Dez e conheceram o Colégio DR. Edgard Dourado, no distrito de Fedegoso, zona rural do município.

A ideia da Comissão de Educação é conhecer casos de sucesso nos municípios para aplicar na rede pública de ensino. “Morro do Chapéu é referência para a Bahia e para o Brasil”, justificou a visita o presidente do colegiado, deputado Eduardo Salles.

Os municípios de Licínio de Almeida e Juazeiro também serão visitados pela Comissão de Educação.

A visita ao município da Chapada Diamantina contou ainda com a participação dos deputados Rosemberg Pinto e Zó, membros da Comissão de Educação.

PROJETO
O projeto foi pensado por Luciano Barreto, empresário de Morro do Chapéu. A ideia é simples: a sociedade civil organizada premia os alunos que se destacam no rendimento e frequência escolar.

Apenas na Escola Edla Costa, desde a criação do projeto, IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) é de 4,8. No município esse número chega a 3,3.

Todo o projeto é gerenciado pela comissão organizadora e não ingerência política.

Os deputados assistiram a palestra que esclareceu como montar a comissão, elaborar as categorias, realizar o credenciamento das escolas, fazer parcerias com a iniciativa privada e organizar a noite de entrega da premiação. “Esse é um dos nossos papéis: conhecer experiências exitosas e tenta disseminar par toda a rede pública”, declarou Eduardo Salles.

O segundo destino dos parlamentares foi o Colégio Estadual DR. Edgar Dourado, modelo em infraestrutura adequada e nos planos pedagógico e administrativo.

Comentários